Scott Redding

 Scott Redding nasceu em Quedgeley em 4 de janeiro de 1993. Começou a correr aos 12 anos e em três anos ingressou no campeonato mundial, estreando nas 125cc no GP do Qatar de 2008. O talento de Scott ficou evidente desde a primeira corrida, terminando em quinto e fazendo a volta mais rápida da corrida. Poucos meses depois, em sua pista em casa, em Donington Park Redding, conquistou sua primeira vitória e se tornou o piloto mais jovem a vencer uma corrida do campeonato mundial. Ele continuou nas 125cc no ano seguinte e depois passou para a Moto 2 em 2010, terminando em oitavo na classificação final.

Ele permaneceu na Moto2 em 2011 e 2012, terminando em décimo quinto e quinto respectivamente. Mas foi em 2013 que Scott realmente chamou a atenção de todos, completando uma temporada impressionante que incluiu três vitórias, três segundos lugares e um terceiro que lhe valeu o segundo lugar no ranking final. Apenas uma lesão sofrida na Austrália, que o forçou a pular uma corrida e se machucar nas corridas finais, o privou da chance de lutar pelo título até o final.

Graças a esses resultados, ele se mudou para o MotoGP em 2014, competindo na categoria Open. O piloto inglês foi tão rápido nesta classe, terminando a temporada na 12ª colocação geral. Na temporada seguinte, ele pilotaria um verdadeiro MotoGP, conquistando um pódio com um forte terceiro lugar no Grande Prêmio de San Marino. Seu desempenho chamou a atenção da Ducati, que o adicionou à equipe da Pramac Racing pelo período de dois anos 2016-2017. Na primeira temporada, ele subiu mais um pódio e chegou perto várias vezes, terminando em 15º no ano, enquanto na temporada seguinte seu 14º lugar não foi suficiente para mantê-lo no time. Redding continuou no MotoGP por mais um ano, mas os resultados decepcionantes o levaram a mudar de categoria e em 2019 ele enfrentou o Campeonato Britânico de Superbike (BSB) pilotando um Panigale V4 R.

Com 11 vitórias e 9 pódios, no final de uma temporada difícil, Scott Redding tornou-se o campeão britânico de Superbikes. Esta vitória rendeu-lhe uma ligação da Aruba.it Racing - Ducati, que o colocará na próxima temporada no Campeonato Mundial de Superbike na fábrica Panigale V4 R.

Cadastre-se para receber novidades Ducati

Insira seu endereço de e-mail e fique por dentro do mundo Ducati, todas as novidades e promoções.

Campo de preenchimento obrigatório.
Por favor, insira um e-mail válido.