900 SS TT IOM

A história do título mundial conquistado por Mike Hailwood na Ilha de Man em 1978 com a Ducati 900 SS é uma das lendas da história das corridas. Em 1974, o piloto britânico praticamente encerrou sua carreira após um terrível acidente na Alemanha.

Em Silverstone, em 1977, ele conheceu Steve Wynne, da Sport Motor Cycles Ltd., em Manchester. Wynne deixou Hailwood experimentar uma Ducati que ele havia preparado. O campeão inglês gostou da posição clássica de pilotagem. De brincadeira, ele se ofereceu para competir na Ilha de Man TT no próximo ano. Eles chegaram a um acordo. Mike até queria correr sob um pseudônimo, tão inseguro quanto a suas chances. No entanto, um contrato foi rapidamente elaborado: 1.000 libras para o evento e uma nova Ducati em sua garagem.

Wynne comprou três motos da Ducati de um pequeno lote de vinte 900, especialmente preparado para corridas de resistência. Criadas na Ducati e, como sempre, trabalhadas por seus melhores mecânicos, as motos foram montadas pela NCR.

A moto alcançou 87 cv, um pouco abaixo da potência, em comparação com a Honda de 4 cilindros oficial da Read, construída apenas para vencer o campeonato mundial de TT1. Por outro lado, Hailwood estava na sela. Depois de uma competição verdadeiramente sensacional, ele venceu a corrida e o título, repetindo tudo uma semana depois em Mallory Park e vencendo mais uma vez a competição japonesa.

Motor

864 cc

Torque

80 hp at 7000 rpm

Velocidade máxima

225 km/h

Peso seco

205 kg

Cadastre-se para receber novidades Ducati

Insira seu endereço de e-mail e fique por dentro do mundo Ducati, todas as novidades e promoções.

Campo de preenchimento obrigatório.
Por favor, insira um e-mail válido.