Siluro 100

A Ducati 100 “Siluro” foi projetada especificamente para quebrar o recorde de velocidade na pista de Monza.

Em 1956, a Ducati tentou quebrar vários recordes mundiais em várias categorias. Na época, as pessoas eram totalmente fascinadas pelos recordes de velocidade.

Nesse ambiente, a empresa com sede em Bolonha criou um modelo projetado para quebrar recordes, baseado no Gran Sport 100. Na verdade, as mudanças técnicas diziam respeito apenas à mecânica e ao chassi. Em troca, grandes mudanças foram aplicadas ao corpo, que a Ducati projetou em colaboração com um engenheiro aeronáutico e a oficina Tibaldi, especializada em usinagem de alumínio.

O resultado foi uma carenagem espetacular "única", que melhorou consideravelmente o desempenho aerodinâmico.

O teste foi confiado a dois pilotos particulares, que tentaram quebrar os novos recordes na sexta-feira, 30 de novembro.

O feito foi um sucesso; quarenta e quatro recordes mundiais foram quebrados no mesmo dia. O Siluro estabeleceu cinco novos recordes na classe 250, apesar de o motor ter apenas 100 cc. O modelo completou a volta mais rápida a uma velocidade média de 170 km / h, com uma média de 1.000 km acima de 160 km / h!

Motor

98 cc

Torque

14 hp at 11000 rpm

Velocidade máxima

170 km/h

Pesco seco

Indefinido

Cadastre-se para receber novidades Ducati

Insira seu endereço de e-mail e fique por dentro do mundo Ducati, todas as novidades e promoções.

Campo de preenchimento obrigatório.
Por favor, insira um e-mail válido.